Picture
O navio de cruzeiros Sovereign da Pullmantur Cruises alterou o seu itinerário transatlântico que partirá de Recife no dia 4 de março de 2020. A alteração consiste da troca de um porto, no caso, cancelando a escala em Tenerife e trocando-a por uma escala que será, na verdade, uma estreia, no porto do Funchal, capital da ilha da Madeira, segundo apontado no site dos Portos da Madeira.

O cruzeiro do Sovereign sairá de Recife no dia 4 de março e passará por Mindelo, Cabo Verde, a 9 de Março. Segue-se a referida escala na Madeira, a 13 de março, antes de acabar o cruzeiro reposicional na capital portuguesa, Lisboa, a 15. As razões para o cancelamento da escala em Tenerife não são conhecidas publicamente, mas é provável que estejam relacionadas com preocupações relativas ao novo vírus, Coronavirus, que já incide sobre a ilha canária.

Lançado em 1987 como Sovereign of the Seas, o então maior navio de cruzeiros do mundo leva já 33 anos de carreira. Construído nos Chantiers de l'Atlantique em Saint-Nazaire, França, teve um custo de construção avaliado em 185 milhões de dólares e um comprimento de 268 metros de comprimento por 32 de largura e 73,529 toneladas de arqueação bruta. A sua capacidade máxima está estimada entre os 2,733 e os 2,852 passageiros, servidos por 820 membros de tripulação, que se distribuem por 14 decks e 1162 cabines. Foi o primeiro da classe Sovereign, que alberga ainda os navios Monarch e Majesty of the Seas, da Pullmantur e Royal Caribbean, respetivamente.