Picture
Os Estaleiros de Navantia em Cádiz esperam que o Freedom of the Seas chegue em breve, mais precisamente no dia 19 de janeiro, para que seja submetido à sua grande reforma do programa Royal Amplified, que adicionará um conjunto de novos recursos.

O Freedom of the Seas, da Royal Caribbean, mais ousado e reimaginado, não apenas regressará como também redefinirá os "saltos" pelas ilhas no sul das Caraíbas, na primavera de 2020. Com 339 metros de comprimento, a construção do Freedom of the Seas começou em 2004 e, assim, lançado em junho de 2006. Aos 14 anos, o passageiro sentirá o paquete mais fresco do que nunca.

A partir de 8 de março de 2020, após uma amplificação de 116 milhões de dólares, o Freedom partirá em cruzeiros de sete noites, ida e volta no sul das Caraíbas saindo de San Juan, Puerto Rico. Os itinerários durante todo o ano estão programados para visitar locais tropicais da região, incluindo Oranjestad, Aruba; Willemstad, Curaçao; Castries, Santa Lúcia; Bridgetown, Barbados; Saint Johns, Antígua; e Kralendijk, Bonaire. A Royal Caribbean já havia anunciado alguns dos favoritos dos convidados a bordo, incluindo a dupla de tobogãs The Perfect Storm, uma paisagem de piscina caribenha redesenhada, uma nova visão de um local exclusivo com a cozinha italiana de Giovanni e espaços para crianças e adolescentes completamente transformados.