Picture
A operadora de cruzeiros britânica Cruise & Maritime Voyages está oficialmente declarada insolvente, a partir de hoje, 20 de julho de 2020, conforme pode ser lido no seu site oficial (www.cruiseandmaritime.com):

"Lamentamos informar que a South Quay Travel Limited (" SQTL ") - negociada sob o nome Cruise & Maritime Voyages - foi colocada em administração em 20 de julho de 2020. Paul Williams, Phil Dakin e Edward Bines, da Duff & Phelps Ltd são, no momento, os administradores e estão avaliando a posição financeira da SQTL, que vendia principalmente pacotes de cruzeiros protegidos pela ABTA.

Estes também venderam um pequeno número de pacotes com inclusão de voos protegidos pelo esquema ATOL da CAA.

Esteja ciente de que todas as reservas que não foram realizadas foram canceladas. "

Mas não se preocupe com a sua reserva. Se reservou diretamente com o SQTL, siga os conselhos abaixo.

Pacotes não aéreos

Se você reservou um pacote de férias que não seja de voo (por exemplo, um cruzeiro sem voos) por meio do SQTL, eles são protegidos pela ABTA ou pelo emissor do seu cartão de crédito ou débito. Você deve visitar www.abta.com/failures para obter mais conselhos sobre como reivindicar.

Férias organizadas com voos incluídos (somente clientes no Reino Unido)

Se a sua reserva incluía voos, precisará entrar em contato com o CAA, pois sua reserva está protegida pelo esquema ATOL do CAA. Mais informações e conselhos sobre como reivindicar estão disponíveis no site da ATOL aqui: www.caa.co.uk/ATOL-protection/Make-an-ATOL-claim/Latest-ATOL-holder-failures/

Outra ajuda relevante para outras nacionalidades pode ser encontrada em www.cruiseandmaritime.com.

Isso, portanto, deixa a frota com um futuro muito duvidoso, pois o Columbus, Astor, Magellan, Marco Polo e Vasco da Gama aparentemente terão, portanto, de encontrar outro operador ou comprador. Quanto ao Ida Pffeifer e Amy Johnson, que deveriam se juntar à CMV em 2021, continuarão a procurar outro comprador, pois as vendas ainda não foram concluídas e os paquetes continuam, assim, no mercado.