Picture
O navio de cruzeiros Costa neoRomantica, anteriormente parte da frota da italiana Costa Cruzeiros, será renomeado Celestyal Experience, já em preparações para ser entregue à grega Celestyal Cruises, que o adquiriu ao grupo Carnival por uma quantia não revelada.

Construído no início da década de 90 como, na altura, um dos mais inovadores navios de cruzeiro europeus, o Costa neoRomantica foi originalmente projetado para fazer parte de uma sub-empresa da Costa, mais voltada ao mercado de luxo, e tendo em vista apresentar competição às empresas desse segmento, da data. No entanto, rapidamente acabou por ser reintegrado na frota da empresa italiana numa altura em que vários navios seriam retirados de serviço ou vendidos, incluindo o icónico Eugenio C. Sofreu uma grande renovação no início da década da passada - a revolução neo -, que adicionou um número de cabines com varanda, em especial enfase, por cima da sua ponte de comando, e adicionou o prefixo 'neo' ao seu nome. O paquete acabou por ser vendido em Julho, sendo um de quatro navios da Costa a tomarem novos rumos - o Atlantica e Mediterranea serão transferidos para uma nova empresa asiática, enquanto o Victoria deverá ser desmantelado na Itália -.

A Celestyal, seu comprador, opera outros dois navios, o Celestyal Crystal e Celestyal Olympia, aos quais se junta agora o Celestyal Experience, de maiores dimensões. Relembrar ainda que a Celestyal Cruises suspendeu todos os cruzeiros até Março de 2021, podendo ser esta a data para a estreia desta nova adição à sua frota. Os itinerários do Experience deverão ser divulgados em breve.